Aos meus pais, avós e amigos.
A toda vida...
A toda a natureza..

Traduzir / Translate this blog

O amor sincero da amizade...!

O amor sincero da amizade...!

Olha ao longe...!

Observa com esses olhos lindos que me fascinam mesmo de longe...!

Mesmo sem os ter junto a mim...! Aqui...!

Observa toda aquela vida que brota do solo...!

Imagens coloridas entre paisagens verdes de Outono...!

Olha...!

Olha lá ao longe...!

Vê aquele vale que se estende até ao mais longínquo de nós...!

Um vale de flores que crescem livremente...!

Lírios, camélias, túlipas brancas...!

São flores do campo,

São luzes na vida...!

São as cores da vida que apenas de vida se podem preencher...!

E tu...

Tu estás aí onde estás...!

Permaneces nesse local distante de mim...!

Mas és uma Primavera no Outono...!

És uma alegria no cinzento do Inverno...!

A mais formosa fantasia de uma mente de poeta!

Sabes...

Há muito que te procuro...!

Há muito que te lembro,

Que te lembro de uma vida já esquecida...!

Mas que uso no meu dia a dia quando sonho...!

Quando vivo realmente a loucura singela de amar alguém...!

Quando penso em ti... e imagino-te junto de mim...!

Devorando o mundo com a suavidade de olhar um Por do Sol...

Com a beleza de sentir a água das ondas ecoar nas anseadas de rocha...!

Com o conforto de um abraço que te hei de dar um dia...!

O conforto de se ser um amigo sincero...!

Há tempos e tempos...!

Há vidas e vidas...!

Já conheci tantos seres...!

Tantas verdades, e vontades!

Tantos caminhos que muitos nem supõem...!

Ja vi tanta coisa e tanto me falta ver...!

E por isso digo agora...!

A amizade é o amor mais sincero que pode existir...!

É o existir calmo e sereno, na completude de duas almas se transformarem numa só existência...!

É poder dizer-te o que sinto por ti...!

Dizer-te que te amo...!

Que te adoro...!

Que és o que és e que sabes que és para mim...!

Mas que existimos tranquilamente num mundo comum... mas diferente...!

Ser amigo é ser-se cumplice e companheiro...!

É confiar e desabafar...!

É acreditar e abrir a alma ao destino...!

É oferecer o ombro e o peito,

É deixar cair as lágrimas que nos devorão o coração...!

É sorrir e ser feliz sem sentir necessidade de receber nada em troca...!

É viver procurando simplesmente o amor...!

É viver sem pedir favores...!

É viver sem negar a alegria ou a dor...!

É somente isso...!

A amizade como expoente do amor...!


Pedro Campos

Sem comentários: