Aos meus pais, avós e amigos.
A toda vida...
A toda a natureza..

Traduzir / Translate this blog

Apetece-me ver o mar

Apetece-me ver o mar - Letra de Pedro Campos


Apetece-me ver o mar
Fixar nas ondas o meu olhar
E longe da confusão
Pegar na tua mão e dançar..!


Apetece-me sonhar
Fechar os olhos e adormecer
Ao teu colo sem acordar
E distante do amanhecer findar todo o meu tempo em ti
E por fim... desaparecer... simplesmente...!


Apetece-me cheirar a vida
Saborear o tempo no teu rosto...
Sentir o teu sabor na tua língua...
Apaixonar-me sem remorsos...


Apetece-me abraçar o teu semblante
Absorver o teu gosto
Trocar palavras num dialecto distante
Ouvindo a tua voz criar um mundo novo...


Apetece-me ver o mar
Fixar nas ondas o meu olhar
E longe da confusão
Pegar na tua mão e dançar...!


Apetece-me sonhar
Fechar os olhos e adormecer
Ao teu colo sem acordar
E distante do amanhecer
Enfim desaparecer...

Desejo que a vida renasça no seu Ser..
Desejo poder sorrir...
Que todo o meu mundo se apague...!!!

Que todo o meu mundo se apague..
Para que de novo possa viver...
Não mais sentindo vontade de partir, ou de morrer...!


Porque apenas me apetece ver o mar...
Olhar aquelas ondas que invadiram o areal do pensamento...
Deixando-me sentir o frio da água, gélida e salgada...
O doce do sal que queima a minha boca
Em ternuras de almas sem fim...


E vendo no reflexo do mar
Toda a luz que do objecto redondo, circular, luminoso no céu a brilhar...
Uma lua que me deixe, que me deixe ainda amar...!


Toda a luz, dessa lua no fim daquela tarde...
Em que sentado a pensar
Apenas queria sentir o mar...!


Apetece-me ver o mar...
Fixar as ondas no meu olhar...
Ver o mar...
O mar... reflectido...
No teu olhar...
No teu olhar...!


Pedro Campos - Algures

Sem comentários: